Domingo 32

P. 86. Visto que fomos libertados de nossa miséria, por Cristo, sem mérito algum de nossa parte , s o m e n t e p e l a g r a ç a , p o r q u e a i n d a devemos fazer boas obras? R. Primeiro: porque Cristo não somente nos comprou e libertou com seu sangue, mas também nos renova à sua imagem, por seu Espírito Santo, para que mostremos, com toda a nossa vida, que somos gratos a Deus por seus benefícios e para que ele seja louvado por nós. Segundo: para que, pelos frutos da fé, tenhamos a certeza de que nossa fé é verdadeira e para que ganhemos nosso próximo para Cristo, pela vida cristã que levamos.

P. 87. Não podem ser salvos, então, aqueles que continuam vivendo sem Deus, se gratidão e não se convertem a ele? R. De maneira alguma, porque a Escritura diz que nenhum impuro, idólatra, ladrão, avarento, maldizente, assaltante ou semelhante herdará o reino de Deus.

 

 Leitura: Domingo 32

Queridos irmãos em Jesus Cristo,

Vocês SENTEM isso também no coração? Esta alegria, esta felicidade, que temos em Cristo! Esta gratidão por TUDO o que ele fez por nós! Isso não é um sentimento, que temos num momento especial na nossa vida, mas isso deve ser um sentimento que domina toda a nossa vida, desde que nos convertemos. Um verdadeiro cristão deve saber esta GRATIDÃO profunda, que mudou a sua vida. Um cristão que vive sem gratidão no seu coração, não é convertido. Um cristão que vive sem gratidão no seu coração, não entendeu nada do evangelho. Ele não entende nada do sacrifício...Para ler mais, clique aqui.