L: Mateus 12, 1-8

 T: Domingo 38 CdH / P. 117 Catecismo de Westminster

 

Queridos irmãos em Cristo Jesus,

 

[Faz pouco tempo que tomamos uma decisão de que não haverá comércio no dia de domingo em redor do templo. O objetivo dessa decisão é alertar-nos a respeito do caráter do dia do Senhor.] O dia do Senhor é um dia especial. Um dia diferente dos outros dias. Um dia de descanso.

[Dou graças a Deus que os irmãos entenderam isso e pararam com os seus negócios no dia do Senhor em redor do templo]. Mas apesar disso ainda existe uma preocupação grande. Porque já entendemos que devemos nos santificar no dia de domingo, especialmente observando o culto, mas como será a vida dos irmãos no domingo fora do culto? Como deve ser a nossa vida no dia do Senhor quando nós não estamos no culto, mas em casa?

Será que a nossa vida no dia de domingo combina com o caráter do dia do Senhor? Vamos observar o que Jesus fez no dia do Senhor fora da hora do culto. Recebemos um relatório sobre isso através do discípulo Mateus. Encontramos esse relatório em Mateus 12.

A questão em Mateus 12 é se pode trabalhar no dia do Senhor. Não somente durante a hora do culto, mas também se pode trabalhar fora da hora do culto! Os fariseus disseram: não! De jeito nenhum! Veja o quarto mandamento!

Lembra-te do dia de sábado, para o santificar. Seis dias trabalharás e farás todo o seu trabalho, mas o sétimo dia é o dia do Senhor, teu Deus; não farás nenhum trabalho. Nem tu, nem teu filho, nem a tua filha, nem o teu servo, nem a tua serva, nem o estrangeiro que vive na sua casa. Eles guardam esta lei rigorosamente. Nenhum trabalho. Nem uma obra grande, nem uma obra pequena; nem a reforma da casa, nem a limpeza da casa, nem ligar a luz da casa. Nenhum trabalho...Para ler mais, clique aqui.

Texto: Marcos 2, 23-28

 

Queridos irmãos em Cristo Jesus,

O texto para hoje, Marcos 2, 23-28, nos mostra uma discussão entre Jesus e os Fariseus a respeito da santificação do Sábado. Os fariseus eram crentes muitos rigorosos, que exigiam uma obediência rigorosa da lei de Deus. Podemos dizer: Os Fariseus foram os guardas da lei de Deus. Eles controlavam a vida das pessoas para ver se elas viviam conforme a lei de Deus. E se alguma pessoa violasse a lei de Deus, os fariseus o visitariam para admoestá-lo. Por causa disso, eles estavam logo em cima de Jesus no momento que eles observaram que os alunos de Jesus colhiam espigas NO DIA DO SÁBADO. Os fariseus vieram a Jesus porque eles queriam proteger o quarto mandamento, que fala sobre a santificação do SÁBADO:

Lembra-te do dia de Sábado, para o santificar. Seis dias trabalharás e farás toda a tua obra, mas o sétimo dia é o sábado do Senhor, teu Deus. Não farás nenhum trabalho”.

Então, irmãos, o sábado deve ser um dia SEM TRABALHO. É um dia especial, pois nesse dia o povo de Deus devia descansar. Prestem atenção nisso, irmãos, pois esse mandamento vale até hoje. Pode ser que o dia de descanso tenha mudado - Não mais o sábado, mas o domingo; não mais o sétimo dia da semana, mas agora o primeiro dia da semana. O dia do descanso mudou, mas o mandamento permaneceu o mesmo; e as perguntas a respeito da santificação do dia também permaneceram. Podemos trabalhar no domingo? Que tipo de trabalho é permitido e que tipo de trabalho não é?

Um das primeiras perguntas mais importantes é esta: O QUE É, DE FATO, ‘TRABALHAR’? Qualquer atividade é ‘trabalho’? Não! Se fosse assim, teríamos que ficar na cama o... Para ler mais, clique aqui.

 

T: Ec. 11,1-8

 

Queridos irmãos em Jesus Cristo,

Faz pouco tempo que um dos irmãos me pediu para pregar sobre este texto. Ele nunca ouviu um sermão sobre este texto na igreja reformada; e eu também não! Então foi um desafio! E, realmente irmãos, este texto se mostra um desafio. Lendo o texto e o estudando, descobri que ele tem uma mensagem forte para todos nós.

 

SETE OBSERVAÇÕES A RESPEITO AO NOSSO TRABALHO NO REINO DE DEUS

1) Lança o teu pão sobre as águas, porque depois de muitos dias acharás.

2) Reparte com sete e ainda com oito, porque não sabes que mal sobrevirá a terra.

3) Estando nuvens cheias, derramam aguaceiro sobre a terra;

4) Caindo a árvore para o sul ou para o norte, no lugar em que cair, aí ficará.

5) Quem somente observa o vento nunca semeará, e o que olha para as nuvens nunca segará.

6) Assim como tu não sabes qual o caminho do vento,

7) nem sabes como se formam os ossos no ventre da mulher grávida,

 

Conclusão: Assim também não sabes as obras de Deus, que faz todas as coisas.

 

Conselho: Semeia pela manhã tua semente e à tarde não repouses a sua mão,

porque não sabes qual prosperará;

 

1) Lança o teu pão sobre as águas, porque depois de muitos dias acharás.

A primeira observação se refere ao início de todo trabalho. Quando se começa um trabalho, devem-se fazer investimentos; o resultado destes investimentos não se manifesta logo, mas depois de muitos dias ou semanas.

O texto diz: Lança o teu pão sobre as águas, porque depois de muitos dias o acharás.  Muitas pessoas se perguntaram sobre o sentido deste texto, pois ‘lançar pão sobre as águas’ em si não é um bom investimento. Ao contrário! Em si, jogar pão... Para ler mais, clique aqui.

 

Texto: Salmo 107                             

 

Queridos irmãos em Jesus Cristo,

Estamos reunidos aqui para louvar ao Senhor. Para demonstrar-mos gratidão pelas suas bênçãos. As suas bênçãos sobre o nosso trabalho. Este trabalho pode ser feito de várias maneiras: há pessoas que trabalham em casa e cuidam das crianças; outras pessoas trabalham numa escola; existem pessoas que cuidam da limpeza de uma casa ou de uma escola; outras trabalham numa empresa, ou estudam na faculdade. O nosso trabalho conhece uma grande variedade. E cada um de vocês tem os seus problemas e preocupações no seu trabalho. E com estes sentimentos estamos aqui reunidos.

Podemos agradecer a Deus, mas isso não quer dizer que o agradecemos pelo mesmo motivo; pode ser que uma pessoa tenha muitos motivos para demonstrar sua gratidão e agradecer a Deus, e outra pessoa tenha poucos; pode ser que há irmãos que estão sem preocupações; mas pode ser que há irmãos que estão com problemas financeiros.

Neste salmo encontramos várias pessoas que agradeceram a Deus. Cinco pessoas. Cada uma fala sobre as suas experiências em sua vida com o Senhor e cada uma diz porque ela quer agradecer a Deus. Devemos prestar atenção nessas pessoas. Devemos prestar atenção no que elas nos contam para nos tornarmos sábios e pensarmos nisso e meditarmos no amor de Deus, o Senhor!

  1. O FUGITIVO

Em Salmo 107 fala-se em primeiro lugar sobre um fugitivo (vss. 4-7); ele conta sobre as suas experiências... no deserto (vs.4). Num mundo inóspito. Não há nada neste mundo; nada cresce; só há areia; não há água, nem grama, nem árvores, nenhuma sombra se vê. Só terra seca e quente. Assim é um deserto. Este homem estava lá. Ele andava perdido pelo deserto (4), pois não havia um caminho no deserto. Um caminho é feito, quando muitos homens passam por um lugar... Para ler mais, clique aqui.

 

 

Texto: O quarto mandamento (Êxodo 20: 8-10)

Leitura: Mateus 12,1-6       

Queridos Irmãos em Jesus Cristo,

 

Como devemos santificar o dia de Sábado, o dia do descanso?

Durante muitos séculos isso já tem sido um problema na Igreja.

O que podemos fazer no dia de sábado e o que não?

Qual trabalho é lícito e qual trabalho é proibido?

São perguntas que foram feitas na época de Moisés; e, depois, também pelos profetas.

Até na época de Jesus; Jesus deu uma resposta, mas ainda há perguntas.

O dia do descanso mudou: Não mais no Sábado, mas no dia de Domingo. O dia mudou, mas a lei não.

 

A Igreja Cristã ainda reconhece o valor e a autoridade do quarto mandamento em relação ao Domingo. Um outro dia, mas as mesmas perguntas. Podemos trabalhar no dia de Domingo? Qual trabalho é lícito e qual trabalho é ilícito? Esses são os problemas do nosso texto.

 

Os fariseus acusaram os alunos de Jesus de que eles estavam violando a quarto mandamento, pois ali está escrito:

“Lembra-te do dia de Sábado, para o santificar.

Seis dias trabalharás e farás toda a tua obra;

Mas o sétimo dia é o Sábado do Senhor, teu Deus;

Não farás nenhum trabalho.

 

Então! A lei é clara! O sábado é um dia SEM trabalho;

Não se pode trabalhar nesse dia.

Não pode TRABALHAR!

 

Bom, mas o que é TRABALHAR exatamente?

Qualquer movimento é trabalho? Ou qualquer atividade?

Se for assim, nós não podemos fazer nada.

Seria melhor ficar na cama o dia inteiro sem mover um dedo.

Se nós não podemos fazer nenhum movimento, consequentemente não podemos sair da cama, não podemos caminhar, cozinhar, cuidar dos filhos, ajudar os doentes e muito mais.  Mas a lei diz isso? O quarto mandamento está proibindo qualquer atividade? Não, irmãos ...Para ler mais, clique aqui.