A providência de Deus e a mentira de emergência

Texto: Êxodo 1

Leitura: Gênesis 46: 1-6; 27b & Gênesis 50: 22

Queridos irmãos em Jesus Cristo,

A providência de Deus é um consolo quando experimentamos a sua benção em nossa vida. Mas como está com a providência de Deus se estivermos sofrendo? Onde está Deus nesse momento?  Os sofrimentos na nossa vida podem causar muita confusão.

Há pessoas que crêem em Deus na prosperidade, mas elas se afastam na adversidade; há pessoas que passam por sofrimentos e que logo se perguntam: onde está Deus? Ele realmente existe? Se Deus existir, e se Ele é amor, porque Ele não me ajudou?

A leitura do livro de Êxodo nos ensina que Deus existe. Este livro nos ensina que Deus está trabalhando na história; ele nos ensina também como Deus está trabalhando na história. Considerando a história do povo de Deus, devemos dizer que a Bíblia é muito mais do que um livro histórico.

Claro, a Bíblia nos conta a história do povo de Israel, mas a Bíblia conta esta história com um certo objetivo. Ela conta a história da Salvação. O caminho que Deus faz com o seu povo, Israel, para dá-lo, e, por eles, a todo mundo, a Salvação em Jesus Cristo.

Este caminho é longo; e neste caminho Deus encontra muita resistência. O início da Bíblia já mostra isso. No início do Livro de Gênesis encontramos Deus, Adão e Eva,... e satanás: o inimigo de Deus. Este inimigo de Deus fez amizade com Adão e Eva. Ele queria destruir o plano de Deus, mas Deus não aceitou.

Deus reagiu e colocou inimizade entre o diabo e Adão e Eva. Deus disse (Gên. 3: 15): "Porei inimizade entre ti e a mulher; entre tua semente e sua semente; esta te ferirá a cabeça, e tu lhe ferirás o calcanhar”...Para ler mais, clique aqui.

 

Nós usamos cookies!

Ao utilizar este site, você concorda que este site coloca cookies no seu dispositivo. Um cookie é um pequeno arquivo de texto que o site usa para fazer a função do website e tornar sua visita eficiente.

Clique no contrato para um site totalmente funcional ou veja os detalhes na página de detalhes antes de concordar.