Leitura: Deuteronômio 12

 

Amados irmãos,

O culto serve a Deus? Ou serve ao Povo de Deus? O que vocês acham?

Qual é o papel do culto? Vamos ouvir mais sobre isso hoje à noite, abrindo a palavra de Deus e observando o Capítulo 12 do livro de Deuteronômio.

O Capítulo 12 é o centro desse livro. Os capítulos anteriores funcionam como uma introdução, e aqui se começa a falar sobre a lei de Deus. Veja o versículo 1: São estes os estatutos e os juízos que cuidareis de cumprir na terra que vos deu o Senhor Deus de vossos pais, para a possuirdes todos os dias que viverdes sobre a terra. O livro da lei começa aqui e vai até o Cap. 26. E logo no início se fala sobre o lugar que o Senhor Deus vai escolher para pôr seu nome e sua habitação; antes de tudo, a lei fala sobre o lugar do culto.

Isso está em primeiro lugar! E, de certa forma, dá para entender, porque isso tem a ver com os primeiros mandamentos: como devemos amar a Deus! Isso tem a ver também com a confissão principal de Israel, que encontramos em Dt. 6:4; O “sjemah Israel”: Ouve, Israel, o Senhor nosso Deus, é o único Senhor. Amarás, pois, o Senhor, teu Deus de todo o teu coração, de toda a tua alma e de toda a tua força. Estas palavras que, hoje, te ordeno, estarão no teu coração; tu as inculcarás a teus filhos, e delas falarás assentado em tua casa, e andando pelo caminho, e ao deitar-te, e ao levantar-te. Também as atarás como sinal na tua mão, e te serão por frontal entre os olhos. E escreverás nos umbrais da tua casa e nas tuas portas. A vida inteira deve ser santificada pelo culto a Deus.

O lugar santo serve para... Para ler mais, clique aqui.

T. Gênesis 6,1-4
L. Lucas 17,20-37

Queridos irmãos em Cristo Jesus,

Em Lucas 17 o nosso Senhor Jesus fala sobre o futuro, sobre os últimos dias. E ele faz uma comparação com os primeiros dias da história deste mundo. O final da história será igual ao início da história. A pré-história antes do Grande Dilúvio nos revela algumas coisas sobre o final da história antes do dia Final.

Pensando nisso, vamos observar os últimos dias antes do dilúvio para ter mais clareza sobre os últimos dias antes do Dia do Senhor. E pensando sobre isso, queria fazer uma pergunta. Essa pergunta: o que aconteceu com a igreja antes do dilúvio? Por que somente Noé e a sua família, somente oito pessoas, foram salvos? Em Gênesis 5 nós lemos que Adão, Sete, Enos e os seus netos e bisnetos chegaram a idades de mais de oitocentos anos, gerando filhos e filhas, mas no final,só sobraram oito pessoas: Noé e a sua família. O que aconteceu com o resto da santa família de Adão? O que aconteceu com o povo de Deus, que vivia antes do dilúvio?

Gênesis 6, 1-4 fala sobre isso, irmãos. Gênesis 6,1-4 nos conta em poucas palavras o drama que aconteceu na santa família de Adão. Gênesis 6,1-4 explica isso e fala sobre a corrupção do casamento na igreja antes do dilúvio. A corrupção do santo casamento causou a destruição da igreja e a destruição do mundo inteiro antes do dilúvio.

Vamos observar isso de perto. Vamos primeiro observar o contexto: Gênesis 5. Gênesis 5 nos apresenta a genealogia de Adão. Quer dizer, uma parte dessa genealogia. A parte boa. A parte ruim foi apresentado em Gênesis 4, que fala
sobre os descendentes de Caim. Caim e a sua família se afastaram de Deus. Caim se afastou da família dos seus pais e criou uma sociedade, que era diferente. Afastados... Para ler mais, clique aqui.

T.: Romanos 8, 28-39                                         

L.: CdH 21 

Queridos irmãos em Cristo Jesus,

Hoje em dia muitas pessoas não acreditam na igreja; acreditam em Cristo, mas não na igreja. A igreja não é importante, Cristo é importante. A igreja não. Existem muitas igrejas. Uma diz isso e a outra diz aquilo, e quem fala a verdade?

Muitas pessoas dizem: a verdadeira igreja de Cristo é invisível. Existem verdadeiros crentes na igreja católica, e também na Assembleia de Deus e na igreja Presbiteriana e na igreja Reformada e o total desses verdadeiros crentes á a igreja de Cristo. Nós não podemos ver esta igreja aqui na terra, porque os seus membros estão escondidos nas igrejas, mas no dia final nós vamos encontrar estes verdadeiros crentes no céu ao lado de Cristo. Então, essa igreja invisível é a verdadeira; a igreja visível é falsa; na igreja visível encontramos padres pedófilos, pastores que querem se enriquecer, pastoras que se acham profetas, presbíteros que nunca visitam o rebanho, membros que brigam e fofocam. A igreja visível é imperfeita, impura e cheia de manchas. Por causa disso muitas pessoas não acreditam na igreja. A igreja não é importante.

Muitas pessoas pensavam assim também na época da Reforma. Elas criticavam a igreja de Roma, mas não queriam reformar a igreja; e não queriam mudar de igreja. Essas pessoas ficavam na igreja romana, porque a igreja visível não é importante; o que é importante é ter Cristo no coração; ser membro da igreja invisível de Cristo. Então estes membros simpatizavam com a reforma, mas não seguiam os reformadores; elas permaneciam na igreja de Roma.

Calvino chamava essas pessoas de “Pseudo-Nicodemitas”. Elas viviam como Nicodemos, que era fariseu, mas... Para ler mais, clique aqui.